27 julho 2010

A.l.g.u.n.s d.i.a.s.

Tem dias que não me dá vontade de escrever... insisto, mas sou tão crítico que me inibo. Tem que fazer sentido, fazer-se ouvir, ao menos para mim. Minha complacência comigo é mínima, se não nula. Encaro bem a estiagem, fico pensando apenas que é muito gostoso escrever, mesmo que que sejam palavras ensanguentadas, surradas, por vezes mal-humoradas... Tem alguns dias que não escrevo. Pronto.

Nenhum comentário: