29 junho 2010

F.r.i.o.

Está escuro
 o dia, o branco, o verde.

Meus medos -
o vento assobia meus temores.

Vejo cada vez menos
e caminho tombando com meus feitos,
por mais pérvio que seja o caminho.

Estou de luto -
deixei que apagassem as luzes
deixei que quisessem
dessem ordem
- por não ter levantado a voz

Luto de mim.

Está escuro
a chuva bate na janela
com violência e acusações.

Durmo com  o frio
mesmo quando você vem me visitar -
penso no quanto ínvio
é este relacionamento.

24 junho 2010

D.a.n.i.e.l.

Para um grande amigo (A. A.) que foi morar na ilha de Vera Cruz, Itaparica, que costumava cantar toda vez que lhe pedia. Saudade de você moço. Você pode cantar Daniel outra vez para mim?
Como um encontro num lugar tão inóspito quanto o Fórum Ruy Barbosa e uma conversa num ônibus, indo para casa, fizeram surgir um sentimento tão forte dentro de mim.  Alguém que ajudou a esclarecer minhas dúvidas existenciais  e me sentir tendo um lugar digno nesta vida tão complicada - não sentir vergonha de quem sou. Só Deus para explicar -  eu me limito a sentir e aproveitar deste encontro.  Um beijo em seu coração.

 Daniel - Elton John.

Daniel is travelling tonight on a plane
I can see the red tail lights heading for Spain
Oh and I can see Daniel waving goodbye
God it looks like Daniel, must be the clouds in my eyes

They say Spain is pretty though I've never been
Well Daniel says it's the best place that he's ever seen
Oh and he should know, he's been there enough
Lord I miss Daniel, oh I miss him so much

Daniel my brother you are older than me
Do you still feel the pain of the scars that won't heal
Your eyes have died but you see more than I
Daniel you're a star in the face of the sky

Daniel is travelling tonight on a plane
I can see the red tail lights heading for Spain
Oh and I can see Daniel waving goodbye
God it looks like Daniel, must be the clouds in my eyes
Oh God it looks like Daniel, must be the clouds in my eyes 


To a good friend (AA) who is living on the Island of Vera Cruz, Itaparica, which used to sing every time I asked Daniel of Elton John.
It amazes me that a meeting in a place so inhospitable as Ruy Barbosa Forum and a conversation on a bus, going home, have created a feeling so strong within me. Someone who helped clarify my doubts and make me feel existential taking a worthy place in this life so complicated - do not feel ashamed of who I am. God only to explain - I limit myself to feel and enjoy this meeting. A kiss on your heart.

23 junho 2010

L.o.v.e & d.o.r


Se amor não fizesse par inseparável com dor, obrigatoriamente teríamos que lhe dar outro nome, outra cor, cheiro e todos os "delírios" sinestésicos. . . além disto, reinventar todo nosso funcionamento subjetivo. Pronto, falei.
Love inseparable duo of pain. If it were, we'd have to necessarily give it another name, another color, smell and all the "delusions" synesthetic. . . Furthermore, reinvent our subjective functioning. There, I said.

21 junho 2010

D.á.d.i.v.a. d.e Í.s.i.s.

Coloquei um fim

um fim na ilusão

na amizade-colorida

na mão estendida

Minhas lágrimas não cessam

meu coração me açoita

seus olhos me esfaqueiam

sua indefinição conseguia calar-me

Coloquei um fim em mim

no que nasceu e morrerá hoje

mesmo tendo vivido meio ano

ou foi o ano que me partiu ao meio?

Tolerarei

Cantarei

Adoecerei

Até que o tempo me cure

Apostei

e o empate é para os outros.


continue sendo holofote

enquanto busco

o brilho de uma estrela. 

Ainda que distante

ainda que me queime

ainda que me ame!

19 junho 2010

Feelings

Sem Mandamentos  
Oswaldo Montenegro 
Hoje eu quero a rua cheia de sorrisos francos
De rostos serenos, de palavras soltas
Eu quero a rua toda parecendo louca
Com gente gritando e se abraçando ao sol
Hoje eu quero ver a bola da criança livre
Quero ver os sonhos todos nas janelas
Quero ver vocês andando por aí
Hoje eu vou pedir desculpas pelo que eu não disse
Eu até desculpo o que você falou
Eu quero ver meu coração no seu sorriso
E no olho da tarde a primeira luz
Hoje eu quero que os boêmios gritem bem mais alto
Eu quero um carnaval no engarrafamento
E que dez mil estrelas vão riscando o céu
Buscando a sua casa no amanhecer
Hoje eu vou fazer barulho pela madrugada
Rasgar a noite escura como um lampião
Eu vou fazer seresta na sua calçada
Eu vou fazer misérias no seu coração
Hoje eu quero que os poetas dancem pela rua
Pra escrever a música sem pretensão
Eu quero que as buzinas toquem flauta-doce
E que triunfe a força da imaginação
Há tempos não me emocionava com uma música. Ainda sei chorar!

F.r.i.e.n.d.s.


Friends, I guess they should tolerate, cry, laugh, understand, listen, have troubles, know the similarities and differences, laugh, contemplate together ... have an opinion or save them, yelling, whispering, making love, lullaby, demand, spend some time without talking or chatter for hours. Lot of good thing and many not that good as well. Friends.  I choose them although this do not give the right to judge me.

16 junho 2010

P.a.i.n.

Perceberam que andei ausente estes dias? Pois é. Estava internado por conta de um cálculo renal de 0,8mm (gigante para os meus padrões). Já expeli três cristais anteriormente sem qualquer intervenção médica. Desta vez, em menos de cinco dias (11 a 15 de Junho deste), estive em dois hospitais, em duas emergências, em dois apartamento. Fui submetido a dois procedimentos: 1º. retirada do cálculo e colocação de um cateter chamado "Duplo J". 2º. Como as dores não cessavam, voltei para o hospital para a retirada do tal objeto que foi colocado para ajudar no processo de liberação de urina. Acho que não deu certo. 
Bem, já estou de volta. Ainda um pouco dizzy - tomei duas doses de anestesia geral nestes cinco dias. Saca ressaca? Quando voltar à CNTP, volto a andar por estas terras. 

10 junho 2010

L.i.v.r.o.s.

eu queria que minha vida fosse uma música
ou um filme.
teve um tempo no qual achava que era o ator
depois o diretor
levou tempo de um para o outro
amores
lágrimas
dinheiro.
nada de edição, mixagem, masterização ou cortes
Hoje me assalta o desejo de ser a obra pronta
a arte
o elenco
os acordes.

vaidade de artista
tédio de um mortal
falta de alma.

06 junho 2010

J.u.n.h.o.. t.e.m.. P.o.d.e.r.

           Ogunhê Patacuri Ogum    Salve Santo Antônio                              
Já começaram a trezena? Pergunta boba; hoje já são seis. Estão fazendo suas orações/pedidos/agradecimentos para Santo Antônio / Ogum (dêem-me licença os puristas, mas sou sincretizado - assim sou feliz)? Nunca é tarde para cuidar da espiritualidade. 



"Sim vou na igreja festejar meu protetor
E agradecer por eu ser mais um vencedor
Nas lutas nas batalhas
Sim vou no terreiro pra bater o meu tambor
Bato cabeça firmo ponto sim senhor
Eu canto pra Ogum"
Composição: Claudemir / Marquinho PQD

05 junho 2010

N.e.f.r.o.

"Dor de post" 

Pode ser qualquer dor 

pode ser, inclusive, a da rosa

a do porta-retrato, a do espaço vazio

de uma canção, do pré-sal

...

Só não deveria ser

um aviso indiscreto

de que você está para parir

um lindo cristal de cálcio.

Axé
                                                                                            

03 junho 2010

E.i.d.é.t.i.c.o.

É essência
mas é etéreo...
bomba nuclear
telefone tocando de madrugada.

É a preocupação
a cegueira primitiva do sentir...
fumaça
mas também é ópio.

O vinho pela metade
Syrah ainda perfuma a boca
o delírio da presença
a realidade trava a língua.

É essência
é paixão e febre
quebra-cabeças chinês
é metade de mim e quase tudo de você.

É o sexo vestido de alma!
é essência.

"Quis te trazer um poema
Só pra me revelar
Os versos que fiz deu pena
São poucos pra te contar
Mas como eu te amei, morena
Ninguém mais vai te amar"